Livro

Resenha: Terra de Sombras, de Alyson Noël #BoxImortais

19:10:00

O livro Terra de Sombras, de Alyson Noël, foi lançado em 2010 pela Editora Intrínseca e conta com 280 páginas.

Ah! Esse é o terceiro livro da Coleção Os Imortais. Para ler a resenha do primeiro livro, clique aqui! E do segundo livro, é só clicar aqui.
Sinopse: Ever e Damen atravessaram diversas vidas e enfrentaram os mais terríveis inimigos com um só objetivo: ficar eternamente juntos. E quando esse sonho está ao alcance de suas mãos, um poderoso feitiço cai sobre Damen. Agora, para ele, simplesmente tocá-la ou encostar os lábios nos dela significaria a morte, o exílio definitivo em uma terra de sombras, o lar das almas perdidas. Desesperada por livrá-lo da maldição, Ever mergulha de corpo e alma na magia e encontra uma ajuda inesperada: um surfista chamado Jude. Apesar da profunda lealdade a Damen, é inevitável que ela se sinta atraída por esse garoto estranhamente familiar, de olhos verdes, pele bronzeada, braços definidos, dons mágicos e passado misterioso. Ainda mais quando Damen decide se afastar dela. Ever sempre acreditou que Damen fosse seu destino, mas e se o futuro tiver reservado outros planos? Com Jude cada vez próximo, pela primeira vez em séculos esse amor é posto à prova.
Eu já falei isso antes, mas Ever Bloom é a protagonista mais confusa que eu já li na vida! A pobre coitada sempre tenta fazer as coisas certas, mas acaba que tudo vai por água abaixo e acaba não saindo como o esperado. Em Terra de Sombras não é diferente: em função dos acontecimentos do livro anterior, um feitiço faz com que Damen e Ever não possam se tocar, o que torna o relacionamento ainda mais difícil.

Ever então busca ajuda para tentar reverter esse feitiço: Roman, o vilão mais insuportável da vida, não irá facilitar as coisas para ela - que tenta, continua e inutilmente, encontrar uma saída para a confusão em que se meteu. As gêmeas Romy e Rayne são acrescentadas à série, e rendem cenas sarcásticas e irônicas em meio ao drama de Ever (amo!). 

A magia nesse livro é mais forte; somos apresentados à diversos tipos de ervas e cristais poderosos, bem como feitiços de magia branca e também magia negra - tudo levado de forma muito leve -, apesar da precisão: me admiro como a autora segue a narrativa com demasiada informação. Sinto um enorme prazer ao perceber que o autor se aprofundou em pesquisas para que pudesse abordar temas místicos de forma tão exata.

Os personagens Lina e Jude são acrescentados: Lina é a típica avó sábia que sempre nos salva por aí. E Damen que me desculpe, mas Jude tem lá seus encantos. Como a série explora muito o misticismo, vida após a morte e reencarnação, a atração mútua de Ever e Jude não é por acaso. Algumas surpresas são lançadas em meio à narrativa, e fazem com que as certezas que a gente acumula em um bestseller seja completamente jogada pelo ralo.

E Summerland, ah, Summerland... Quem nunca quis dar um passeio pelo paraíso?! Ever visita de forma contínua os Salões do Conhecimento, e eu nunca vi uma personagem sempre confundir as coisas e fazer tudo errado assim, gente! Mas apesar de tudo, dá pra relevar porque quando estamos apaixonados, a gente fica bobo busca maneiras de estar ao lado de quem a gente ama.
Ainda acho que a autora poderia desenvolver a história com mais rapidez, diminuindo as chances de soar cansativa. Mas admiro a maneira dela de escrever, detalhando cada pensamento e cada ação dos personagens - isso faz com que a leitura seja completamente compreensível, e todos os fios soltos sempre são "amarrados" no final.

Terra de Sombras é uma ótima continuação, e no fim a gente sempre é surpreendido com um gancho para o próximo livro... 

"Às vezes, o destino não está a nosso alcance."
Nota:

Um beijo, 


Deixe seu comentário!

1 comentários

  1. Eu ganhei o primeiro livro em um sorteio e dei de presente para a minha irmã, ela adorou a história <3 eu nem sabia que tinha uma continuação huahua

    bruna-morgan.blogspot.com

    ResponderExcluir

Newsletter

Canal do Jardim